Cadastro PIS



O Programa de Integração Social ou simplesmente PIS como é mais conhecido foi criado por volta do ano de 1970 e de lá para cá beneficia, todos os anos, milhares de trabalhadores da iniciativa privada com uma bonificação pelo trabalho realizado no ano anterior. É ainda provável que muito mais pessoas que possuem o direito a receber o PIS não o estão recebendo devido ao fato de desconhecerem este mesmo direito e, do mesmo modo, não terem realizado o cadastro PIS para participar do programa.

Se você se encontra nesta situação, é muito importante que aprenda como efetuar o cadastro PIS, já que se trata de um dos programas de auxílio trabalhistas mais importantes para o brasileiro, podendo assim receber o seu abono. Confira.

cadastro pis

Cadastro PIS – Aprenda Como se Cadastrar no PIS

Como se cadastrar no PIS?

O cadastro é feito em uma única etapa. Geralmente é realizado pelo empregador, mas também pode ser feito pelo trabalhador. Neste último caso, você precisará se dirigir até uma agência da Caixa Econômica Federal munido dos seguintes documentos: RG, CPF e comprovante de Residência.

Lá, no banco, você deverá procurar o atendimento pessoal para solicitar o cadastramento no PIS. Em poucos instantes você receberá o seu número NIT (Número de Identificação do Trabalhador) que, através dele, o qual equivale ao PIS que será inserido em sua Carteira de Trabalho.

Como se cadastrar no PIS pela Internet?

Este é um procedimento também simples e ainda lhe oferece a vantagem de não “perder tempo” como é necessário para se deslocar e esperar o atendimento na agência da Caixa. Para isso basta acessar o seguinte link:

Datraprev Cadastro no PIS

Em seguida, clicar no menu a esquerda “Inscrição” e depois em “Filiado”.

Preencha todos os campos do formulário disponível, principalmente, os campos obrigatórios que aparecem com um asterisco vermelho. É importante lembrar que, no início do formulário, há uma informação que diz que se o segurado é indígena o mesmo deverá realizar o cadastro pela FUNAI (Fundação Nacional do Índio).

Como as empresas cadastram o funcionário?

Os empregadores que já possuem cadastro no programa, assim que recebem a documentação do novo trabalhador o cadastram em sua área especifica do referido programa. Aqueles que ainda não possuem terão que acessar o site da Caixa do PIS e lá realizar o seu cadastro.

É fundamental para empresas que o funcionário possua cadastro no sistema, pois é a única forma de garantir que o trabalhador tenha direito a benefícios trabalhistas como a aposentadoria, o salário maternidade das trabalhadoras, e o abono salarial, além é claro, do auxílio doença do INSS.

Qual é o valor do abono do PIS?

O valor pago pelo Governo é de um salário mínimo vigente e, como já houve o reajuste do valor, os trabalhadores beneficiados receberão R$ 880,00 que poderão utilizar a vontade para pagar alguma conta, realizar um pequeno investimento ou qualquer outra necessidade que possua.

Quem tem direito ao PIS?

É importante esclarecer este ponto uma vez que, muitos trabalhadores ainda desconhecem os requisitos e critérios do programa. Para isso é preciso que o trabalhador:

  • Esteja cadastrado no programa por pelo menos 5 anos;
  • Que receba, no máximo, 2 salários mínimos;
  • Que tenha trabalhado, no mínimo, 30 dias no ano anterior e com a carteira de trabalho assinada;
  • Que trabalhe em empresa de iniciativa privada.

Cadastro PIS – Considerações Finais

O pagamento do abono é feito de acordo com as datas estipuladas pelo Governo em uma tabela anual. É importante ficar atento para não perder a data, pois o valor do abono, quando não é sacado, acaba retornando para sua origem e o trabalhador acaba o perdendo, ou seja, vai ter que esperar o novo ano para receber o seu beneficio. Então, fique atento!

Espero que esse artigo tenha te ajudado. Aproveite e o compartilhe em suas redes sociais com os seus amigos. Até a próxima!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (3 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...